Fale Conosco

Polícia

PM morto estava em férias e namorada estava grávida

Crianças que estavam no ônibus que tinha Campo Mourão como destino não foram identificadas ainda

Publicado

em

Facebook
O policial Guilhen, que estava havia um ano na PM, namorava Karla, estudante de Direito, que também faleceu no acidente

Atualizado às 11h26

O policial militar Isaac Guillen, 25 anos, era o motorista do veículo Focus, com placas de Ubiratã, que colidiu frontalmente com o ônibus do Expresso Nordeste, após aquaplanar na pista, na madrugada de hoje (26) no km 267 da BR 277, na divisa entre os municípios de Irati e Prudentópolis.

A mulher que acompanhava o policial militar era Karla Carolina Corrêa, 22 anos, era estudante de Direito no Centro Universitário da Fundação Assis Gurgacz, em Cascavel. O acidente provocou quatro mortes imediatas.

De acordo com informações do 6 Batalhão da Polícia Militar de Cascavel, o soldado Guillen estava na PM há cerca de um ano. Ela servia na 4 Companhia da PM em Corbélia. O policial estava desfrutando do período de férias.

A PRF de Irati ainda não identificou as crianças – uma de um ano e seis meses e outra de oito anos – que também morreram na colisão. Todos os corpos estão no Instituto Médico Lgeal de Ponta Grossa

Gravidez

Com relacionamento assumido nas redes sociais no último dia 24, Guillen e Karla já moravam juntos havia algum tempo. A moça estava grávida de três meses. Isaac era policial militar do 6º Batalhão da Polícia Militar e estava lotado em Corbélia há pouco mais de três meses.

A Polícia Militar  de Cascavel divulgou nota de pesar. Isaac Guillen era soldado do 6º Batalhão desde fevereiro de 2016 e atualmente prestava serviços na 4ªCia PM.

Comente

Comentários

Copyright®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).