Fale Conosco

Política

Exército está atento e repudia impunidade, diz comandante

General indaga, de forma indireta, quem atua para defender o Brasil e quem está apenas defendendo interesses pessoais.

Publicado

em

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, usou a rede social Twitter na noite de terça-feira (3) para declarar repúdio à impunidade no país.  Segundo o general, os militares estão atentos “às suas missões institucionais” e repudiou qualquer sinal de impunidade.

As mensagens foram postadas no mesmo momento em que aconteciam atos em várias cidades do Brasil em favor da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), cujo pedido de habeas corpus será julgado nesta quarta-feira.

Na primeira postagem, o general assevera: “Asseguro à Nação que o Exército Brasileiro julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade e de respeito à Constituição, à paz social e à Democracia, bem como se mantém atento às suas missões institucionais”.

Na segunda mensagem, Villas Boas chega a indagar, de forma indireta, quem atua para defender o Brasil e quem está apenas defendendo interesses pessoais. Diz ele: “Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do País e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais”.

Após a repercussão de suas postagens, o próprio comandante Villas Boas deixou claro que as postagens “expressa a posição do Alto Comando do Exército e exclusivamente a da força”.   Isto quer dizer que as mensagens não foram baseadas em opinião pessoal,  mas como comandante do Exército e sem nenhuma combinação com Aeronáutica e Marinha.

 

Comente

Comentários

Copyright ®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).