Fale Conosco

Política

Rosa Weber vota contra HC de Lula e abre caminho para prisão

Placar ainda pode ser revertido, mas é improvável que este cenário ocorra

Publicado

em

Foto: STF<div style="text-align: left;"Voto da ministra era considerado uma incógnita antes da votação

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber votou contra o habeas corpus do ex-presidente Lula nesta quarta-feira (4). Atualmente, o placar no Supremo é de 4 votos pela rejeição do recurso do petista contra apenas um voto em seu favor – do ministro Gilmar Mendes.

“Meu voto é tão claro, quem me acompanha nesses 42 anos de magistratura não poderia ter a menor dúvida com relação ao meu voto, porque eu tenho critérios de julgamento e procuro manter a coerência das minhas decisões“, afirmou Rosa Weber.

Os ministros Edson Fachin, Alexandre Moraes e Luís Roberto Barroso votaram contra Lula.

O placar ainda pode ser revertido, mas é improvável que este cenário ocorra já que Rosa Weber é tida como fiel da balança da votação.

Condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no caso triplex do Guarujá, a decisão abre caminho para a prisão de Lula.

O ex-presidente teve seu recurso no TRF-4 negado e também viu um outro pedido de habeas corpus enviado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) ser recusado.

Comente

Comentários

Copyright ®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).