Fale Conosco

Copa do Mundo 2018

Na cela, Lula diz que “jogo é jogo, treino é treino” e alerta sobre “pequeno Davi”

Ex-presidente estreou como comentarista na Copa do Mundo: “sinceramente, o fato é que não jogamos bem”

Publicado

em

Através de impressões registradas em um bilhete, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde 7 de abril na Superintendência da PF em Curitiba, estreou nesta segunda-feira (18) como “comentarista” da Copa do Mundo.

A notícia, que poderia ser interpretada como fake news, é verdadeira e está sendo registrada pela imprensa nacional e internacional. Na semana passada, o i44 News já havia anunciado a intenção do ex-presidente.

Os “comentários” de Lula foram lidos pelo jornalista José Trajano no programa “Papo com José Trajano”, apresentado na TVT e Rádio Brasil Atual 98,9,transmitido nesta segunda das 18h15 as 19h. O sinal é gerado pela tv aberta em São Paulo e distribuído via internet.Lula não gostou do que viu, em sua cela equipada com televisão, durante o jogo da Seleção Brasileira na estreia contra a Suiça no domingo (17).

“O Brasil entrou em campo com o que tem de melhor. A Suíça também. Pelo histórico das seleções, o Brasil teria de vencer, afinal é a única seleção pentacampeã e, portanto, amplamente favorita. A Suíça também queria ganhar e tinha duas opções: jogar melhor ou não deixar o Brasil jogar. E foi o que fez”, disse o ex-presidente em comentário lido no programa.

“Também não deixou o Neymar jogar, fazendo faltas e faltas. Além disso, o Neymar tentava sem êxito carregar a bola, e não conseguiu”, escreveu Lula na cela. Para o ex-presidente, “sinceramente, o fato é que não jogamos bem”.

Para o próximo jogo do Brasil – na próxima sexta-feira (22) contra a Costa Rica às 9h (horário de Brasília) em São Petersburgo, – Lula quer que a seleção respeite o adversário. Afinal, todos sabem que, um dia, o pequeno Davi venceu o gigante Golias”, escreveu ele.

Lula ainda falou sobre outros jogos.”Duas coisas ficaram provadas na primeira semana da Copa: a Alemanha não é invencível e, entre os maiores craques, só o Cristiano Ronaldo fez por merecer. O resto é conversa pra mesa de bar”.

O ex-presidente cumpre em Curitiba condenação, em segunda instância, a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro pelo caso do tríplex do Guarujá (SP). Mesmo preso, além de “comentarista” o ex-presidente é pré-candidato oficial do Partido dos Trabalhadores à eleição para presidência neste ano e é líder em pesquisas eleitorais onde é relacionado.

Comente

Comentários