Fale Conosco

Educação

Salvadori anuncia construção de biblioteca aberta para Comcam no colégio Marechal Rondon

Salas de aula terão ar-condicionado já no início do ano,diretora diz que empenho do Secretário de Planejamento do Paraná “foi decisivo”

Publicado

em

Foto: Reprodução / Google
Entrada do colégio estadual Marechal Rondon, na área central de Campo Mourão

O ano letivo de 2019 no colégio estadual Marechal Cândido Rondon, na área central de Campo Mourão, vai começar em um ambiente mais confortável para a comunidade escolar. Além da reforma completa da rede elétrica e instalação de aparelhos de ar-condicionado nas salas de aula, a unidade de ensino vai ganhar um biblioteca que também atenderá a população.

Em 90 dias, estará pronta a ampliação de pontos e a reestuturação de toda a rede elétrica do colégio.

Antiga reivindicação, a obra com valor de cerca de R$ 150 mil foi autorizada pela governadora Cida Borghetti. O projeto estava na gaveta do governo há longo tempo. O deputado estadual Douglas Fabrício (PPS) e o prefeito Tauillo Tezelli (PPS) em conjunto com a direção da escola, chegaram a solicitar a execução da obra em governos anteriores, com apoio do Núcleo Regional de Educação. No entanto, a reforma não saía do papel.

Nos últimos meses, de acordo com a diretora Rita de Cássia Cartellide Oliveira, a escola solicitou a intervenção do secretário de Planejamento do Paraná, Rodrigo Salvadori, que é da cidade. Em Curitiba, o secretário lembrou o empenho realizado para a obtenção da obra e conseguiu que o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar) viabilizasse os recursos para execução do trabalho.

“Vamos abrir o ano letivo de 2019, com ar-condicionado nas salas de aula”, comemora Rita de Cássia.

Biblioteca

Outro projeto que teve participação direta de Salvadori é a construção de um biblioteca que atenderá o colégio e também aberta à população da Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão, com acessos interno e externo.

O secretário se empenhou pessoalmente no pedido, solicitado diretamente à governadora Cida. No final de semana, Salvadori recebeu a informação que nos próximos dias será assinada a ordem de serviço para construção da biblioteca. A obra, com prazo de entrega para 12 meses,  deverá ser construída com recursos de aproximadamente R$ 500 mil.

A participação do secretário de Estado foi decisiva, segundo a diretora do colégio.

“Foi um trabalho conjunto da comunidade escolar, do prefeito e do deputado Douglas. Mas posso afirmar, com certeza, que sem o empenho e a proximidade do secretário Rodrigo com a governadora, estas duas melhorias para o colégio não estariam prontas no próximo ano”, disse ela.

Comente

Comentários

Copyright®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).