Fale Conosco

Educação

Prefeitura de Campo Mourão reduz oferta de vagas em período integral nas escolas

Na educação infantil serão 197 matrículas a menos em 2020, segundo a prefeitura

Publicado

em

A prefeitura de Campo Mourão vai reduzir a oferta de vagas no período integral na educação infantil em 2020. No ensino fundamental já houve corte de turmas em 2019 por conta da extinção do programa Mais Educação, do governo federal, e o encolhimento seguirá no próximo ano.

Funcionária de uma clínica oftalmológica, Fernanda Martins Oliveira, 26 anos, não conseguiu fazer a rematrícula do filho mais mais novo de 5 anos no período integral no próximo ano. Ela vai ter que levar o menino no período da manhã para o trabalho. “Não tenho com quem deixá-lo”, disse.

A criança está matriculada na Escola Florestan Fernandes (Caic), no Jardim Corinthians, uma das instituições que terão corte de vagas do ensino integral. “Fui fazer a rematrícula e me avisaram as vagas serão diminuídas em 2020”, afirmou Fernanda.

Em três escolas procuradas pelo i44News, a redução de vagas no período integral na educação infantil chega a aproximadamente 150 vagas. Segundo a prefeitura, em 2020, o corte será de 197 matrículas, de 2.393 para 2.196. No ensino fundamental não foi informado a quantidade de turmas que será fechada.

Na Escola Florestan Fernandes, a redução será de seis para quatro salas na educação infantil e de cinco para quatro no ensino fundamental de período integral. Na Escola Professor Ethanil Bento de Assis, no Jardim Santa Cruz, há duas salas de educação infantil em funcionamento neste ano e em 2020 não terá nenhuma integral. Na Escola Nicon Kopko, no Jardim Modelo, as turmas de educação infantil de ensino integral passarão de quatro para duas no próximo ano.

O corte de vagas no período integral na educação municipal será levado em discussão na Câmara pelo vereador Professor Cícero (PT). O parlamentar fez um requerimento para a Secretaria Municipal de Educação explicar os motivos da redução. “Pais vão ter dificuldades enormes porque precisam que os filhos fiquem no período integral por causa do trabalho”, disse.

Para o vereador, é preciso questionar o que é prioridade para a administração municipal, já que há planejamento de redução de oferta de vagas no período integral e também houve corte de verba na Cis-Comcam (Consórcio Intermunicipal de Saúde da Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão) para consultas e exames. “A prioridade está nos cargos comissionados? Em atender demanda da exigência política em vez de atender o trabalhador, principalmente na educação e saúde?”

No final de setembro deste ano,a prefeitura reduziu em 75% o orçamento no Cis-Comcam. No mês, a cota para consultas em especialidades médicas e exames passou de R$ 200 mil para R$ 50 mil.

Em reunião do Comus (Conselho Municipal de Saúde) para análise da prestação de contas da prefeitura na área da saúde do segundo quadrimestre deste ano, o secretário de Saúde, Sérgio Henrique dos Santos, disse que a redução no orçamento no Cis-Comcam será de R$ 700 mil até o final de 2019.

Prefeitura

A prefeitura informou, por meio da assessoria de imprensa, que na Escola Nicon Kopko a diretora foi procurada por pais que solicitaram vaga parcial e, por isso, para 2020 terão possibilidade de escolha de período parcial ou integral.

A Escola Ethanil Bento de Assis, conforme a prefeitura, a instituição atenderá quatro turmas em período parcial em 2020. E na Escola Florestan Fernandes, as turmas de educação infantil em 2019 ocupam seis salas de aula em período integral e para 2020 serão mantidas quatro e duas em período parcial.

Sobre as vagas de período integral do ensino fundamental, a prefeitura informou que com a extinção do programa Mais Educação, o município deixou de receber recursos para a manutenção das turmas e neste ano manteve 18 turmas com recursos próprios.

Comente

Comentários

Copyright®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).