Fale Conosco

Saúde

Campo Mourão e região contabilizam 2.366 casos de covid-19 e 64 mortes

Número de novos diagnósticos da doença aumentou 12,55% em uma semana e de mortes, 20,7%

Publicado

em

As 25 cidades da Comcam (Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão) contabilizam 2.366 casos do novo coronavírus e 64 mortes, segundo dados de domingo (9) das secretarias municipais de Saúde.

Em uma semana, houve aumento de 12,5% nos diagnósticos de covid-19 e de 20,7% na quantidade de óbitos.

Campo Mourão chegou a 871 casos da doença e 21 mortes. O secretário municipal de Saúde, Sergio Henrique dos Santos, disse que a cidade vive o pior momento da pandemia.

Pelo boletim divulgado no domingo pela prefeitura, a taxa de ocupação da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) pelo SUS (Sistema Único de Saúde) na Santa Casa de Campo Mourão era de 73%, com 11 pacientes. E a taxa na enfermaria chegou a 80%, com 23 pessoas internadas.

Na mesma live que o secretário de Saúde afirmou que Campo Mourão está no pior momento da pandemia, a superintendente da Santa Casa, Luciana Scheffer, disse que a situação “está um casos” porque os pacientes com covid-19 não param de chegar ao hospital.

Campo Mourão continua com toque de recolher das 22h às 6h como medida e isolamento social, Nesta semana, o comércio voltou a funcionar das 10 às 16h. Na semana passada, por causa do Dia dos Pais, o horário foi normal, das 9h às 18h.

As cidades na Comcam com maior número de casos de covid-19 são Campo Mourão (874), Goioerê (223), Terra Boa (130), Engenheiro Beltrão (119) e Araruana (121).

As mortes foram registradas em s mortes ocorreram em Campo Mourão (21), Goioerê (11), Terra Boa (6), Janiópolis (5), Araruna (4),Barbosa Ferraz (4), Peabiru (2), Campina da Lagoa (2), Quinta do Sol (2), Moreira Sales, Mamborê, Iretama, Quarto Centenário, Luiziana, Engenheiro Beltrão e Farol.

Comente

Comentários

Copyright ®i44 News. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do i44 News (redacao@i44.com.br).