Fale Conosco

Eleições 2020

Rodrigo vence debate entre prefeituráveis

Candidatos apontaram falhas da atual administração

Publicado

em

O empresário Rodrigo Salvadori (Progressistas) apresentou propostas, apontou falhas graves da atual administração municipal, soluções para o município e venceu o debate da Musical FM (100.9), na manhã deste sábado (7), entre os candidatos a prefeito de Campo Mourão.

O debate entre Rodrigo, Nivalda Sguissardi (PT) e Tauillo Tezelli, que tenta a reeleição, teve duração de 2h35 e foi dividido em quatro blocos.

No terceiro bloco, Rodrigo perguntou a Tauillo qual fonte de recursos para a criação do Programa Municipal de Auxílio e o Cartão da Família Mourãoense, promessa feitas na reta final da campanha eleitoral.

“Tauillo, você afirmou que não tem dinheiro [prefeitura] e tudo está difícil. Pela quarta vez está na prefeitura. De onde vai sair o dinheiro?”, perguntou Rodrigo.

O prefeito não respondeu ao questionamento do candidato nessa oportunidade e nem em outra durante o debate. Na propaganda eleitoral de Tauillo também não há explicação sobre valores e como a prefeitura vai conseguir bancar o auxílio a partir de 2021. “Tudo que nós fizemos até agora foi organizar as três administrações passadas, que fizeram o que fizeram com Campo Mourão”, disse Tauillo.

Tauillo afirmou ainda que o Sidiscam (Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais de Campo Mourão) mente sobre números da Previscam (Previdência Social dos Servidores Públicos de Campo Mourão).

Nivalda e Rodrigo rebateram a afirmação de Tauillo e disseram que o Sidiscam não tem mentido. Neste ano, o prefeito não concedeu reajuste salarial aos servidores. O sindicato entrou na Justiça para tentar conseguir a reposição.

Segundo a prefeitura, aos aportes mensais para cobrir o rombo da Previscam é de R$ 2,2 milhões e a atual administração tem atribuído a esse pagamento a dificuldade financeira pela qual o município atravessa.

Rodrigo e Nivalda dirigiram críticas a ações da atual administração, especialmente nas áreas de saúde e educação. Tauillo disse em três que parecia estar em outro mundo e não em Campo Mourão, em respostas aos apontamentos feitos pelos outros dois candidatos.

Rodrigo disse que Tauillo tem culpado e jogado a conta para população pela incapacidade financeira do município, a exemplo do aumento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). Neste ano, o tributo teve aumento médio de 14%. Foi a maior alta entre 10 cidades no Paraná do mesmo porte.

O candidato disse também que é preciso melhorias no transporte público, mobilidade urbana, valorização dos professores e, principalmente, aumento da oferta nas Cmei (Centros Municipais de Educação Infantil) e de consultas eletivas e exames.

Comente

Comentários